COVID-19 – TRABALHAR À DISTÂNCIA COM EFICIÊNCIA E “SEM BAIXAR A GUARDA”

COVID-19 – TRABALHAR À DISTÂNCIA COM EFICIÊNCIA E “SEM BAIXAR A GUARDA” 1

COVID-19 – TRABALHAR À DISTÂNCIA COM EFICIÊNCIA E “SEM BAIXAR A GUARDA”

Começamos a perceber que existe uma real necessidade de investir em estratégias de proteção e prevenção contra ameaças cibernéticas, no entanto, a segurança é muitas vezes vista numa ótica de custo em vez de investimento. Se pensarmos bem, os orçamentos dedicados à segurança física nas nossas empresas são maiores que os dedicados à segurança online e este paradigma tem de mudar.

COVID-19 – TRABALHAR À DISTÂNCIA COM EFICIÊNCIA E “SEM BAIXAR A GUARDA” 2

 

Foi notícia, que a empresa elétrica nacional, foi vítima de um ataque cibernético que terá ou continua a provocar certamente danos e muitas dores de cabeça. Segundo o Jornal de Noticias, os Hackers alegam ter conseguido furtar dez terabytes de informação sensível e ameaçam torná-la pública ou vendê-la a concorrentes para demonstrar a veracidade da leak e terão publicado na dark web imagens dos diretórios da estrutura de dados.

Existem várias soluções de cibersegurança mas a melhor é aquela devidamente analisada no contexto da sua organização e percebendo exatamente quais as vulnerabilidades e necessidades da sua empresa.

 

INFORMAÇÃO DIGITAL E SOFTWARE
A importância e dependência das organizações nas aplicações que gerem a informação digital da nossa empresa é crucial para o crescimento e respetiva transformação.

Nos dias de hoje, associar software de Gestão a software de TI é relativamente comum e permite gerar um melhor ambiente para todos os colaboradores ter a eficiência a partir de qualquer dispositivo em qualquer lugar.

SEGURANÇA DE TI
Para um gestor de TI, conhecer os desafios é fundamental para conseguir superá-los ou evitá-los.

Deveremos portanto garantir uma postura proativa na prevenção da informação digital das organizações assim como um plano de reação bem definido para quando formos atacados (e sim, deveremos contar que iremos ser atacados).

QUEM É RESPONSÁVEL PELA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO?
Todos nós somos responsáveis pela segurança da informação e todos temos a responsabilidade de proteger os nossos dados e os que nos são confiados.

Deverá ser definido um conjunto de boas práticas a sensibilizar os colaboradores das nossas organizações de como poderemos evitar ter algumas vulnerabilidades de segurança desnecessárias.

Mas que solução devemos então utilizar?

A verdade é que não deveremos concentrar-nos muito na melhor opção entre uma ou outra opção mas sim no complemento entre várias soluções de segurança. Muitas pessoas gostam de debater o tópico “VPN vs. Firewall”, “Linux vs. Windows” ou “VPN vs. Antivirus”, tentando promover uma solução sobre outra mas a verdade é que VPN’s, Firewall’s e Antivírus funcionam melhor em uníssono, não separadamente.

Existe ainda o mito que Sistemas Operativos Linux ou MAC são mais seguros e imbatíveis contra ameaças cibernéticas. Nos dias hoje são já milhões os casos de infeção nos últimos 3 meses registados em sistemas operativos MAC e Linux, sendo que temos exemplos e dados estatísticos que provam que nenhum sistema é imbatível.

Conseguimos perceber portanto que não basta implementar uma solução VPN, uma Firewall ou um Antivírus, mas sim uma solução conjunta de ferramentas preventivas para evitar este tipo de acontecimento.

Contacte-nos para mais informações.