Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020 1

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020

1 – Quando o assunto é infra-estrutura, todos os caminhos vão dar à nuvem

Se por um lado temos empresas que estão a criar a sua própria infra-estrutura, como é o caso da Dropbox que poupou 75 milhões de doláres em 2 anos saindo da Cloud, a verdade é que temos várias entidades a fazerem o caminho inverso como é o caso de Organizações governamentais, empresas ligadas à saúde, bancos, seguros e até o pentágono.

2 – AWS é espetacular, mas outros provedores vão ter sucesso

Como primeiro provedor de nuvem a AWS (Amazon Web Services) ganhou aos seus concorrentes em 2019 com 32,6% do mercado e prevê-se que irá continuar a ser a primeira escolha em 2020. No entanto outros provedores do mercado estão focados em aumentar o seu mercado. Exemplo disso é a Microsoft que venceu a Amazon num negócio com o Pentágono para o projeto “JEDI” avaliado em 10 biliões de doláres. Este acordo pode aumentar a reputação do Azure. Para além destes dois provedores temos ainda a Google Cloud Plataform ou ainda a IBM que recentemente comprou a RedHat por 36 biliões de dólares.

3 – Kubernetes vai continuar a liderar

Kubernetes é um sistema de gestão de containers open-source que automatiza a implementação, dimensão e gestão de aplicações em containers que permitem disponibilizar serviços aos clientes. Existem alguns serviços rivais a este sistema mas tudo indica que Kubernetes será líder em 2020.

4 – Microsserviços vão ser a principal escolha para arquitetura de software

Microsserviços são uma tendência nos últimos 5 anos e irá continuar a aumentar

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020 2

 

5 – Python vai engolir o mundo

No último estudo realizado pelo stackoverflow Python já é a segunda linguagem de programação mais usada entre os developers ultrapassando Java e C. Porque é que o Python teve este crescimento ? Porque reduziu as barreiras à entrada na programação, possui uma excelente comunidade e é amado pelos cientistas de dados e programadores da nova geração.

6 – No mundo empresarial, Java e JVM vão dominar

A guerra entre a Java e C# é eterna mas a verdade é que, com base no estudo da TIOBE index, Java irá dominar a escolha das empresas.

7 – Spring Framework vai dominar

No mundo dos frameworks que correm no JVM (Java Virtual Machine), o Spring framework vai ganhar a batalha a JEE.

8 – Rust, Swift, Kotlin e TypeSript vão avançar

No inquérito realizado pela stackoverflow, muitas destas linguagens modernas estão no topo pelo que é muito provável que serão tendência em 2020.

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020 3

 

9 – Javascript vai continuar a dominar

Antigamente era muito comum os frameworks backend se responsabilizarem pela automatização das interações do frontend. O cenário que temos agora é uma separação destas duas camadas e a linguagem Javascript evoluiu tanto ao ponto de se tornar uma solução isolada tanto ao nível do frontend como backend.

10 – React domina os frameworks de frontend

A camada mais externa da tecnologia, framework, é difícil de prever. Mas olhando para os download dos últimos 6 meses, via NPM,  é possível verificar que React é uma tendência para 2020.

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020 4

 

11 – Apps nativos no mundo empresarial

Mesmo com o aumento das soluções hibridas dentro das empresas a tendência será o desenvolvimento de apps nativas.

12 – React Native para desenvolvimento de apps cross plataform

Como é possível ver no gráfico mais abaixo, react native será uma tendência para 2020 comparando com Xamarin, Flutter e Ionic. É possível verificar que Flutter está a crescer bastante mas a aposta é que React Native continuará a ganhar popularidade muito por culpa da sua utilização no mundo Facebook e Instagram.

13 – Rest continuará a dominar as APIs

Rest é uma tecnologia muito fácil de entender, implementar e consumir dados. Existem outras alternativas que estão a crescer no que toca à troca de informação entre dois endpoints tal como GraphQL do Facebook, e gRPC da Google.

14 – TensorFlow vai dominar a inteligência artificial

Mais uma vez, Google e Facebook encontram-se a disputar a popularidade de uma tecnologia, Tensorflow da Google e Pytorch do Facebook. Visto a comunidade do Tensorflow ser maior prevê-se que a Google irá vencer esta batalha em 2020.

15 – SQL continuará a dominar NoSQL

Não faz muito tempo que a comunidade do NoSQL gozava com a do SQL Server por conta da subida de popularidade de mongoDB. A verdade é que se olharmos para o gráfico com o ranking com as bases de dados mais usadas vemos que SQL vai continuar a ser a preferência.

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020 5

 

16 – Data Lake: MinIO vai ganhar destaque

Programação, WEB, Hospegadem: Conheça 20 previsões para 2020 6

 

17 – Big Data: Spark vai continuar a brilhar

Nos dias de hoje, as empresas geralmente precisam de executar um cálculo nos seus dados em larga escala e para isso necessitam de trabalho distribuído em lote. O Hadoop Map-Reduce foi a primeira plataforma para este efeito. Recentemente foi substituída pelo Apache Spark como rei do processamento em lote.

18 – Big Data Streaming: Flink para o futuro

Até alguns anos atrás, o processamento de fluxo em tempo real não era possível. No entanto, o Apache Flink mudou o cenário oferecendo um recurso de processamento de fluxo em tempo real. Até 2019, o Apache Flink não conseguia ganhar espaço suficiente no mercado mas tudo isso mudou quando em Janeiro de 2019 a grande tecnológica Alibaba comprou a empresa Data Artisan, empresa responsável pelo Apache Flink, por 103 milhões de dólares.

19 – ByteCode: WebAssembly terá uma adoção em massa

O Javascript é uma linguagem de programação realmente fantástica a vários níveis. No entanto  tem limitações. A maior limitação é que é lento pois o Javascript Engine precisa de ler, analisar e processar o texto do Javascript. Para além disso o Javascript é de thread único e portanto não consegue tirar proveito do hardware moderno (Multi-Core, GPU). Por isso, várias empresas desenvolveram o WebAssembly para executar qualquer linguagem de programação suportada na WEB.

20 – LowCode/NoCode está a ganhar fama

Vivemos numa altura em que existe uma falta de programadores de software no mercado. Como resultado muitas pessoas e empresas não conseguem implementar as suas ideias por falta destes profissionais. Para diminuir esta lacuna existe uma tentativa de fazer desenvolvimento de software com o mínimo de código possível (ou até sem nenhum). Esta tendência teve algum sucesso em 2019 e é expetável que 2020 não vai fugir à regra.

Fonte: https://towardsdatascience.com/20-predictions-about-software-development-trends-in-2020-afb8b110d9a0